Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Vista de Cuenca (Castilla-La Mancha)

Cuenca

A cidade das Casas Suspensas

Cuenca

Você já visitou alguma vez uma cidade situada entre paredes rochosas e com casas que parecem estar suspensa no ar? 

As Casas Colgadas (penduradas) que literalmente sobressaem sobre o desfiladeiro do rio Huecar deste lugar de Castilla – La Mancha certamente vão chamar sua atenção. No entanto, esta Cidade Patrimônio da Humanidade com ruas de pedra e edifícios centenários também oferece um lado moderno e aposta na arte abstrata. Puro contraste a menos de duas horas de Madri.

Um passeio pelo centro histórico

Vale a pena subir as ladeiras e ruelas que se adentram nesta cidade -situada entre os desfiladeiros dos rios Júcar e Huécar- para deixar-se surpreender por seus mirantes. Entre as paradas imprescindíveis está a Plaza Mayor, onde você verá os arcos da Prefeitura e a bonita Catedral, que começou a ser construída no final do século XII.

Saindo de trás do templo, uma rua leva às Casas Colgadas, as casas suspensas que são o grande símbolo de Cuenca. Conservam-se três visitáveis: a Casa de La Sirena (onde funciona um restaurante) e as Casas del Rey, onde você pode conhecer o Museu de Arte Abstrata Espanhola, com obras de artistas famosos como Tápies, Chillida e Saura.Para obter fotos espetaculares das Casas, é preciso perder o medo de altura e atravessar a passarela de ferro da ponte de San Pablo. No extremo oposto fica o Convento de San Pablo, hoje convertido em um Parador e, portanto, em um dos melhores lugares para passar a noite na cidade que ganha ainda mais encanto quando está iluminada.Cuenca também vai surpreender você por curiosidades como os “arranha-céus” do bairro de San Martín ou o túnel visitável da rua Alfonso VIII. Os entusiastas dos museus têm outras opções: a Fundação Antonio Saura, a Fundação Antonio Pérez, o Museu das Ciências… E se você quer se aprofundar nas tradições, também pode conhecer o Museu da Semana Santa, dedicado à festa mais famosa da cidade.

Culinária castelhana e zonas de banho

Cuenca é fotogênica, isso não se pode negar. Mas, além disso, tem uma culinária deliciosa. Na hora de comer, a cidade não decepciona e oferece em seus restaurantes castelhanos o melhor de sua contundente gastronomia: morteruelo (uma espécie de patê quente), ajoarriero (guisado de bacalhau), o licor típico resolí, alajú como sobremesa... Na Plaza Mayor e em seus arredores, você verá muitos bares, embora também existam outras áreas recomendáveis para encontrar um bom restaurante, como o bairro de Castillo, na parte alta, com muito agito graças a suas mesas ao ar livre e mirantes com vista para o desfiladeiro. E se você quiser, também pode optar por restaurantes mais modernos com cozinha de autor, tabernas flamencas ou bares construídos, por exemplo, nos porões de um palácio.O lado mais natural da cidade pode ser desfrutado especialmente no verão, quando você pode dar um mergulho na área de banho do Desfiladeiro do Júcar e comer em um restaurante próximo um delicioso arroz com lavagante. Outra opção é passear pela ruta del Cerro del Socorro ou, se você quiser conhecer um lugar realmente curioso, deslocar-se 30 quilômetros para ver as rochas da Ciudad Encantada, com formas de animais, figuras humanas...

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

Informações práticas

Como chegar - Informações de transportes


Selecione o meio de transporte para ver como chegar e como se deslocar no destino.

Como chegar em trem

  • O Trem de Alta Velocidade conecta a Estação de Atocha, em Madri, com Cuenca em menos de uma hora.

  • A estação de AVE de Cuenca é a “Fernando Zobel”, situada a cerca de 6 quilômetros do centro da cidade. Conecta com a estação rodoviária através da linha 1 de ônibus urbano. Dispõe de serviço de táxis.

  • A estação ferroviária de Cuenca fica na rua Mariano Catalina, no centro. Recebe principalmente trens com trajetos regionais.

  • Reserva de passagens

Como chegar em ônibus

  • A estação rodoviária fica na rua Fermín Caballero, junto ao centro histórico da cidade.

  • Conexões diárias e diretas com as capitais de província de Castilla – La Mancha e as cidades de Talavera de la Reina e Puertollano.

  • Conecta em pouco mais de duas horas com a Estação Rodoviária Sul de Madri. 

  • Conexões com outras cidades espanholas como Barcelona, Tarragona, Teruel, Valência e Ciudad Real.

  • Reserva de passagens

Como chegar por estrada

  • O principal acesso a Cuenca é através da rodovia de Castilla - La Mancha (A-40), com conexão direta com a A-3 na altura de Tarancón.

  • Tempo aproximado de alguns trajetos até Cuenca: Madri e Toledo (por volta de duas horas); Valência (por volta de duas horas e meia)

Informações práticas

  • Cuenca é uma cidade perfeita para visitar a pé. 

  • Existe um serviço de trem turístico que realiza uma visita panorâmica com audioguia em vários idiomas. Mais informações

Como se deslocar em ônibus

  • Quatro linhas urbanas regulares percorrem os principais pontos da cidade, com horário aproximado das 07:30 às 22:30, dependendo de cada linha. Mais informações

Agenda

Exposições, festivais, esportes...


Consulta alguns dos eventos mais relevantes que você poderá aproveitar no destino.