Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança
Catedral de Albacete (Castilla-La Mancha)

Albacete

Albacete

A maior cidade de Castilla-La Mancha se ergue no meio de uma vasta campina com um grande valor natural. Desta peculiar orografia provém seu antigo nome árabe, Al-Basit (A Planície).

Um percurso por sua geografia lhe permitirá conhecer o pulso comercial que bate em suas artérias principais, a tranquilidade manchega de seus cantinhos e o caráter agitado que se manifesta em suas festas em setembro, uma das melhores épocas para visitá-la.

Os amantes da tradição e da arte de La Mancha poderão desfrutar de uma cidade moderna que mantém todo o seu sabor intacto. Na parte mais antiga de seu perfeito traçado urbanístico fica a catedral de San Juan Bautista. Trata-se de uma obra de concepção gótica, mas que mistura diferentes estilos. Seu longo período de construção, de quatrocentos anos, deu como resultado uma capela gótica, quatro grandes colunas renascentistas, diferentes elementos barrocos e um portal neogótico. A arquitetura religiosa de Albacete também se exibe no antigo mosteiro de La Encarnación (séc. XVI), hoje um centro cultural, e na igreja de La Purísima Concepción.

Casas manchegas

Este percurso também o levará à Posada del Rosario, atualmente um Escritório de Turismo, onde você poderá descobrir o resultado da mistura dos estilos gótico, mudéjar e renascentista. O conjunto é um Monumento Histórico-artístico Nacional, já que constitui uma boa amostra deste tipo de hospedagem, no mais puro estilo castelhano, que abundava outrora por toda La Mancha.Na rua Tejares se encontram algumas casas típicas de Albacete, com a tradicional organização de aposentos em volta de um pátio central. A Casa de Los Picos e o Casarão Perona contam com fachadas brasonadas, o que dá uma ideia da alta estirpe dos seus primeiros moradores. O Parador de Turismo de Albacete, situado em uma granja manchega, é uma opção muito tentadora para pernoitar durante nossa estadia. Seu restaurante oferece pratos da região, como o gaspacho manchego, a perdiz em escabeche e os Miguelitos de la Roda de sobremesa.A prosperidade econômica que esta região viveu no início do século XX deixa-se ver na Pasaje de Lodares. Galerias comerciais com uma cobertura de ferro e vidro, separadas por colunas renascentistas, transportam o visitante ao melhor do espírito Modernista.Você não pode ir embora da cidade sem passear à sombra das árvores do Parque de Abelardo Sánchez e visitar o Museu de Albacete. As seções de Arqueologia, Belas Artes e Etnologia contam com algumas coleções excepcionais. Se quiser conhecer o jogo de las bochas, parecido com a bocha, certamente no Parque de la Fiesta del Árbol encontrará albacetenses jogando uma partida.

Culinária de Albacete

As compras devem ser feitas nos arredores da Calle Ancha. Tanto os shopping centers como as lojas dedicadas ao artesanato popular, neste caso, especialmente cutelaria e armas brancas, ficam nesta rua.A Plaza de Altozano é um dos fóruns da cidade e um bom lugar para começar a comer e degustar caracóis ou qualquer derivado do porco, como “lomo de orza” ou algumas fatias de toucinho. Todos estes manjares costumam ser servidos durante as festas de Albacete, que são celebradas no princípio de setembro, sob o patrocínio da Virgen de los Llanos, e que são de Interesse Turístico Nacional.Albacete é também um bom ponto de partida para realizar excursões a espaços naturais como os Montes de Chinchila, o Parque Natural de las Lagunas de Ruidera e a Serra de Alcaraz, onde o Nascimento do Rio Mundo espera por você. Na região setentrional da província estende-se o Vale do Júcar, onde se encontram vilarejos com um forte sabor manchego entre carvalhais e campos de cultivo. No leste ficam os Campos de Montiel, enquanto no Sudeste, no Campo de Hellín y Tobarra, é possível visitar um dos sítios arqueológicos mais importantes de Castilla La Mancha: o Tolmo de Minateda. E para finalizar, a riqueza monumental de lugarejos como Chinchila e Almansa.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

Agenda

Exposições, festivais, esportes...


Consulta alguns dos eventos mais relevantes que você poderá aproveitar no destino.