Atualidade COVID-19

Conselhos para viajar com segurança
Vista de Málaga (Andaluzia)

Málaga

A capital da Costa do Sol se reinventa

Málaga

Além de suas 16 ensolaradas praias, esta cidade andaluza às margens do Mediterrâneo tem uma vida cultural mais do que interessante. É que o lugar que viu nascer o gênio Pablo Picasso se reinventou nos últimos anos e inaugurou museus para todos os gostos.

Se à combinação de mar e cultura acrescentamos um ambiente animado, as abundantes tapas servidas em seus bares, bairros da moda como o Soho, áreas como a do porto que se transformaram para oferecer uma cara mais moderna e monumentos com séculos de história, o resultado é uma cidade apaixonante que qualquer pessoa gostaria de conhecer. Porque se todo o mundo diz que Málaga está mais bonita do que nunca, por algum motivo será.

Uma viagem no tempo

Málaga é uma cidade cheia de recantos históricos como a Alcazaba, uma das maiores fortalezas árabes da Andaluzia, ou o Castelo de Gibralfaro, de onde se obtêm as que, certamente, sejam as melhores vistas de toda a cidade. Aos pés do castelo está o teatro romano e um centro histórico feito para caminhar. Por suas ruas vão surgindo recantos como o Mercado das Atarazanas, onde se pode tomar um vermute, e monumentos como sua Catedral, conhecida como “La Manquita”, por sua inacabada torre direita. Não se deve perder uma visita a suas coberturas, porque a experiência é única. Estamos na cidade de Picasso, portanto, no centro também está um mais do que recomendável museu dedicado ao pintor e é possível visitar sua casa natal.Mas Málaga não só vive de seu passado, já que nos últimos anos se inauguraram o Museu Carmen Thyssen, o único Centro Pompidou que existe fora da França - seu cubo colorido já se tornou um ícone - ou a Coleção do Museu Russo de São Petersburgo.Isso sim, aquele que procure uma cultura mais underground, não pode perder o Centro de Arte Contemporânea, a arte urbana das fachadas nem os locais do alternativo bairro do Soho.

Essência malaguenha

Há várias coisas que dão a Málaga seu toque único. Para começar, além dos monumentos, sempre convém desfrutar de um dia de sol na mítica praia urbana de La Malagueta. E aquele que queira submergir-se a fundo nos sabores tradicionais, tem de ir ao bairro marinheiro de Pedregalejo e provar os típicos espetos de sardinhas à brasa.Voltando à La Malagueta, ao seu lado está o Cais 1, um passeio no porto cheio de lojas e restaurantes por onde é um prazer caminhar ao entardecer até chegar a la Farola, um farol que é um símbolo da cidade.Outro emblema malaguenho? Sem dúvida sua rua pedestre Marqués de Larios, um animadíssimo passeio decorado com flores e por onde é preciso passar pelo menos uma vez em uma viagem a Málaga. À noite, também, esta região e suas ruas limítrofes se tornam o lugar perfeito para degustar tapas em locais que são já instituições como a Bodega El Pimpi e provar o sabor do ajoblanco.Málaga também é seu Festival de Cinema, sua Semana Santa, seus restaurantes inovadores... Mas antes de mais nada Málaga é alegria. E contagia.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

O que fazer

Outras ideias para sua viagem


Informações práticas

Como chegar - Informações de transportes


Selecione o meio de transporte para ver como chegar e como se deslocar no destino.

Como chegar em avião

Como chegar em trem

  • A Estação María Zambrano tem conexão direta com Madri através da rede de trens de Alta Velocidade (AVE) em um trajeto de menos de três horas. Outras conexões de AVE são Córdoba, Zaragoza e Barcelona. 

  • Fica bem no centro da cidade, a apenas 2 quilômetros do porto e 9 do aeroporto.

  • Você pode ir da estação ao seu destino sem problemas usando o transporte público: nela param várias linhas de ônibus urbano (1, 3, 4, 10, 16, 20, 27, A, Circular 1 e Circular 2) e da linha noturna N1.

  • Reserve sua passagem

Como chegar em embarcação

  • O porto fica muito próximo do centro da cidade.

  • É um dos principais portos de cruzeiros da Península. O terminal de cruzeiros fica a cerca de 3 quilômetros da entrada do porto, e nos dias de cruzeiros existe um serviço regular de ônibus.

  • Você pode sair do porto sem problemas usando o transporte público, já que várias linhas de ônibus (8, 10, 20, 25 e M-160) e as linhas C-1 e C-2 de trem têm paradas próximas.

  • Mais informações

Como chegar em ônibus

Como chegar por estrada

  • O acesso do norte faz-se pela A-45.

  • A rodovia do Mediterrâneo A-7 percorre todo o litoral da província.

Informações práticas

  • A maioria dos lugares de interesse concentram-se no centro, o que facilita a possibilidade de conhecê-los a pé.

  • O cartão Málaga Pass pode ser de 24, 48, 72 horas ou uma semana. Permite entrar grátis em muitos museus e monumentos e oferece descontos em estabelecimentos.

Como se deslocar em metrô/bonde

  • A rede de metrô tem duas linhas que unem o centro com a zona universitária e a zona oeste da cidade. 

  • Funciona de segunda a quinta-feira, das 06.30 às 23.00 horas; sexta-feira das 06.30 à 01.30 hora; sábado das 07.00 à 01.30 hora; e domingo das 06.30 às 23.00 horas.

  • Mais informações

Como se deslocar em ônibus

  • O serviço regular percorre todos os bairros da cidade e funciona normalmente entre as 06:20 até as 00:00 horas.

  • Existem quatro linhas noturnas de funcionamento regular entre a meia-noite e as 06.00 horas aproximadamente. Mais informações

  • O ônibus turístico permite visitar todos os monumentos de Málaga. É possível subir e descer quantas vezes se queira. Mais informações

Como se deslocar em outros meios de transporte

  • Táxis: Veículos facilmente identificáveis por sua cor branca com uma faixa azul. Uma luz verde na parte superior indica se está disponível.

  • Carroça a cavalo: faz itinerários de cerca de 45 minutos, passando pelos principais lugares de interesse.

  • Existem formas originais e ecológicas de se deslocar por Málaga. Por exemplo, com veículos elétricos, de bicicleta ou no trem panorâmico Puerto de Málaga.

  • Mais informações