Atualidade COVID-19

Conselhos para viajar com segurança

Dirigir: Como dirigir na Espanha?

none

Se você está pensando em dirigir na Espanha, certamente lhe interessa averiguar com antecedência como alugar um automóvel e se sua carteira de habilitação é aceita em nosso país ou saber que é imprescindível contar com um seguro com validez internacional. Descubra tudo a seguir.

  • Que carteiras de habilitação são aceitas na Espanha?

    Na Espanha é válida qualquer carteira de motorista expedida na União Europeia e também a carteira internacional. Lembre-se que esta última só tem validez de um ano e para obtê-la é imprescindível possuir uma carteira de motorista em seu país. A idade mínima para poder dirigir na Espanha é de 18 anos.

    Se você vier à Espanha com seu automóvel, tenha em conta que deverá solicitar na alfândega uma autorização de circulação temporária para o veículo. Sua validez é de seis meses e, posteriormente, você deveria registrar seu automóvel na Espanha. Em todos os casos, a placa do veículo deve incorporar um adesivo oval com o distintivo do país de origem (para os automóveis da União Europeia é suficiente a bandeira da UE que aparece nas placas atuais)

    Além disso, lembre-se que é imprescindível contar com um seguro de validez internacional. Se você é cidadão de um país da União Europeia, Suíça, Noruega, Islândia, Liechtenstein, Andorra ou Croácia, pode justificá-lo com a apólice de seguro e um recibo do pagamento que comprove sua vigência. Se é cidadão da Albânia, Azerbaijão, Bósnia-Herzegovina, Bielorrússia, Irã, Israel, Macedônia, Marrocos, Moldávia, Tunísia, Turquia, Ucrânia, Rússia ou Montenegro, deverá obter a Carta Verde ou Certificado Internacional de Seguro de Responsabilidade Civil. Para os demais casos, será necessária a contratação de um Seguro de Fronteiras.

    Dado que estas condições podem variar, recomendamos entrar em contato com o Consulado ou a Embaixada da Espanha para comprovar esses requisitos antes de iniciar sua viagem.

  • Como alugar um carro?

    Para alugar um veículo na Espanha, é preciso ter pelo menos 21 anos de idade e uma carteira de habilitação em vigor. Além disso, muitas empresas exigem uma antiguidade de um ou dois anos da carteira de habilitação. Para completar o processo de aluguel, você precisará de um cartão de crédito.

    Lembre-se que se houver mais de um motorista, os outros deverão aparecer como motoristas adicionais no contrato. Além do mais, a tarifa costuma ser mais alta para os menores de 25 anos.

    Na Espanha, é habitual que os veículos de aluguel sejam de transmissão manual, e os de transmissão automática costumam ter um preço maior.

  • Quais são as principais regras?

    Na Espanha se dirige pelo lado direito, o cinto de segurança é obrigatório para todos os ocupantes do veículo e existem limites de velocidade em todas as estradas. São eles: 120 km/h em autoestradas e autopistas; 90 km/h em estradas convencionais e 30 km/h em zonas urbanas.

    Outras normas importantes são:

    É proibido falar no celular sem mãos livres ou manipulá-lo enquanto se está no volante.

    As ultrapassagens só podem ser efetuadas pelo lado esquerdo.

    Os menores com estatura inferior a 135 centímetros não podem ocupar um banco dianteiro, e sempre devem utilizar algum equipamento de segurança homologado. É recomendável o uso de dispositivos de suporte com encosto até que o menor alcance 150 centímetros de altura. Estas indicações também são válidas para taxis, portanto, se você quiser andar de taxi com um bebê, deverá levar o equipamento de segurança homologado.

    Se você beber, não dirija: a taxa de álcool não deve superar 0,5 g/l no sangue (0,25 mg/l no ar exalado).

    Em motocicletas, bicicletas e ciclomotores é obrigatório o uso de capacete.

    O estacionamento na via pública nem sempre é permitido ou gratuito. Em muitas cidades as áreas de estacionamento estão reguladas e têm que ser pagas. Normalmente, são fáceis de identificar porque existem parquímetros na área.

  • Quais as estradas com e sem pedágio?

    Na Espanha, a maioria das estradas da rede nacional é de uso gratuito. Entre elas se encontram as auto-estradas (faixas de rodagem separadas para cada sentido e sem qualquer cruzamento no mesmo nível).

    No entanto, há uma série de estradas que podem exigir o pagamento de pedágio. São as "autopistas". O valor a pagar varia de acordo com o caso e, em geral, existem rotas alternativas de utilização gratuita.

    Você pode verificar quais são as estradas com pedágios através deste site.

    O pagamento do pedágio pode ser feito em dinheiro, cartão de crédito ou por telepagamento (“sem parar”) (este requer a instalação de um dispositivo no veículo).

  • Como agir no caso de receber uma multa?

    As infrações sancionadas pela lei de trânsito - Ley de Seguridad Vial - sempre devem ser pagas. Existem duas possibilidades na hora de receber uma multa de trânsito:

    Se a sanção for comunicada no momento da infração, o pagamento deve ser feito diretamente. Se não for possível o pagamento, a Guardia Civil pode reter o veículo até que a multa seja paga.

    Se a sanção for comunicada por correio, o pagamento pode ser feito de diversas formas:

       Através do telefone 060 (ligando da Espanha): o serviço só está disponível em espanhol. O pagamento é realizado através de cartão de crédito.

       Pela Internet: através da Dirección General de Tráfico de España

       Nas agências do banco La Caixa (Caixabank).

       Nos Correios da Espanha: Nas Delegacias Provinciais de Trânsito - Jefaturas Provinciales de Tráfico, através de cartão de crédito ou débito.

    Se a multa for paga no prazo de 20 dias corridos, tem um desconto de 50%.