Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Turistas na Pont de les Peixateries Velles, em Girona, Catalunha

10 planos imprescindíveis em Girona

Girona

Girona é uma das quatro províncias da Catalunha. Suas fantásticas conexões com numerosos destinos europeus e sua proximidade com Barcelona fazem da região um destino fantástico para uma escapada da rotina de alguns dias. Estes são os planos imprescindíveis para aproveitar ao máximo sua viagem.

  • Vista de Cala Giverola de Tossa de Mar, em Girona, Catalunha

    10Um mergulho na Costa Brava, em pleno mar Mediterrâneo.

    Girona tem cerca de 200 quilômetros de litoral com diversas enseadas maravilhosas, praias de areia dourada e destinos com todos os confortos para aproveitar o mar, como Calonge, Lloret de Mar, Palafrugell, Sant Pere Pescador, Roses e Tossa de Mar, entre outros. 

  • Detalhe da casa de Salvador Dalí em Portlligat, Cadaqués (Girona)

    10Um dia guiado por Dalí.

    Figueres, Cadaqués e Púbol constituem o denominado triângulo daliniano. A primeira é a cidade natal do artista Salvador Dalí e nela fica o que muitos consideram o maior objeto surrealista do mundo: o Teatro-Museu Dalí. Em Cadaqués você pode visitar a Casa-Museu Salvador Dalí, que foi sua residência-ateliê. O roteiro é completado com o Castelo Gala Dalí de Púbol.

  • 10Descobrir a cidade de Girona

    Todo o seu recinto amuralhado é interessante, principalmente lugares como o bairro judeu e a escadaria de Sant Domènech, e monumentos como a Catedral, os banhos árabes e o mosteiro de Sant Pere de Galligants. É recomendável fotografar as casas coloridas às margens do rio Onyar (a Casa Masó é a única visitável), tanto da Pont de Piedra como da Pont de les Peixateries Velles. 

  • Vista do povoado medieval de Peratallada, em Girona, Catalunha

    10Esquecer o relógio em um roteiro por seus povoados medievais.

    Besalú, Monells, Pals, Peratallada, Santa Pau… pequenos vilarejos com ruelas de pedra que contornam uma fortaleza ou uma charmosa praça. Nestas vilas o tempo praticamente se detém, um presente para aqueles que querem se desconectar. 

  • Vulcão Croscat no Parque Natural da Zona Vulcânica de La Garrotxa, em Girona, Catalunha

    10Caminhar no meio de vulcões no Parque Natural da Zona Vulcânica de La Garrotxa.

    No total, são mais de 40 crateras rodeadas de uma vegetação que modifica as cores da paisagem em cada estação. O vulcão de Montsacopa e a vila de Betet de la Serra oferecem algumas das melhores vistas, embora a opção mais espetacular provavelmente seja fazer um voo de balão sobre os vulcões. É imprescindível visitar o município de Castellfollit de la Roca.

  • Abadia românica de Sant Pedro de Roda em El Port de la Selva, em Girona (Catalunha)

    10Seguir as pegadas do românico catalão.

    Destacam-se os grandes mosteiros de Santa María de Ripoll, San Pedro de Rodas e San Juan de las Abadesas. Além disso, nos pequenos povoados de Girona há muitas igrejas românicas. Passear por lugares como Santa Pau, Besalú, Oix ou Beget é como visitar museus românicos ao ar livre. 

  • Vista do Parque Natural de Cap de Creus, em Girona, Catalunha

    10Chegar até o extremo leste da Espanha peninsular.

    Trata-se do Parque Natural de Cap de Creus, um conjunto de falésias, ilhotas e recônditas enseadas que compõem uma paisagem de grande beleza. As vistas são surpreendentes, e muita gente enxerga formas imaginativas nas rochas erodidas pelo mar. 

  • Vista do Esculápio no conjunto arqueológico de Empúries, em L

    10Conhecer o passado grego e romano em L'Escala.

    Aqui fica o conjunto arqueológico de Empúries e o Museu de Arqueologia da Catalunha. A cidade foi fundada pelos gregos no século VI a.C. Depois chegaram os romanos. Hoje você pode conhecer detalhes da presença de ambos através de restos de pequenas casas, mosaicos de mármore e templos, além de numerosas peças arqueológicas.

  • Detalhe da cozinha de El Celler de Can Roca, em Girona, Catalunha

    10Deleitar o paladar com pratos populares ou de alta cozinha.

    Não é uma casualidade que em Girona você possa ir a um dos restaurantes mais premiados a nível internacional: El Celler de Can Roca. Também não é por acaso que aqui ficava o que foi durante muitos anos o melhor restaurante do mundo (El Bulli, de Ferran Adrià). Suas cozinhas de vanguarda se nutrem principalmente dos produtos locais, porque em poucos lugares existe uma disponibilidade de frutos do mar, peixes, carnes e verduras de proximidade com tanta qualidade. 

  • 10Adentrar-se nos Pirineus a bordo de um trem.

    Trata-se do trem de montanha que chega até o Vale de Nuria. O acesso é um espetáculo visual que inclui penhascos vertiginosos, quedas d’água e a possibilidade de ver águias-reais, camurças e marmotas. O vale é muito popular para praticar trekking, tem um grande lago onde dá vontade de parar para descansar, e é um destino de peregrinação devido ao Santuário da Virgen de Nuria (situado a quase 2.000 metros de altitude).