Travel Safe

Advice for travelling safely Latest news
Diferentes pratos e produtos típicos da região de Múrcia

Bom, gostoso e variado, o que comer na região de Múrcia?

Região de Múrcia

Dizem que não existe um amor mais sincero que o amor pela comida. Pois bem, se você é um apaixonado pela boa mesa, bem-vindo a Múrcia.Também conhecida como a Horta da Europa, a situação geográfica e o clima desta região permitem viver a cozinha mediterrânea em toda sua expressão: verduras, legumes, carnes, peixes e doces... aqui você pode ler algumas das melhores receitas típicas murcianas.

  • Marítima

    Marítima

    Obrigatório. Se você for embora de Múrcia sem ter provado sua típica Tapa Marinera, já tem um motivo para voltar. Uma tapa que une o melhor do mar com o mais fresco da horta. Imagine um pouco de salada russa (com verduras, atum, batata e maionese) com uma anchova em cima. E como base, uma rosca crocante, que faz com que além de apreciar o sabor, você tenha uma diversão extra tentando evitar que a tapa se desmonte.

  • Zarangollo

    Zarangollo

    Uma receita tão popular que, partindo da mesma base, em cada casa é terminada de uma forma diferente. Trata-se de ovos mexidos com diferentes verduras da horta murciana, normalmente abobrinha e cebola. Além disso, pode ser acrescentada berinjela ou batata. O pão não pode faltar para terminar de saborear este prato típico. 

  • Salada murciana

    Salada murciana

    Se você é daqueles que quando sai para comer fora nunca pede salada porque “isso você pode preparar em casa”, chegou a hora de provar a salada murciana para mudar a sua opinião. Como costuma acontecer na gastronomia desta região, o mar e a montanha se unem em um prato saudável e refrescante. Como é o caso desta salada, também conhecida como “moje” ou “mojete”, feita com tomate, cebola, azeitonas de Cieza, ovo cozido e atum.

  • Michirones

    Michirones

    Trata-se de um ensopado que costuma ser pedido como tapa, já que é um prato muito contundente. O ingrediente principal são as favas, mas o que lhe dá todo seu sabor são o chouriço, o toucinho, o bacon e o osso de jamón (presunto cru). Tudo isso temperado com louro, alho e sal fará com que você nunca se esqueça nem do nome nem do sabor desta receita tão deliciosa. 

  • Polvo assado no forno

    Polvo assado no forno

    Como última entrada, esta tapa não pode faltar. Polvo, suco de dois limões, sal e água. Quando você provar, vai se perguntar como é que um prato tão simples pode ser tão gostoso. Em primeiro lugar, o polvo é cozido e, posteriormente, assado no forno com os outros ingredientes. Além disso, também pode ser acrescentado vinho branco seco, cerveja, brandy e folhas de louro. Macio por dentro e crocante por fora, este polvo não tem nada a invejar daquele que é preparado na Galícia. 

  • Bolo de carne

    Bolo de carne

    Quem disse que a tradição não pode ser saboreada? Esta receita típica da região de Múrcia fará com que você desfrute até do último farelo do bolo. De procedência árabe, trata-se de um bolo com base de massa folhada, recheado com uma mistura que certamente vai deixar você com água na boca: carne bovina, chouriço, toucinho, presunto, ovo, pimentões e especiarias. Não deixe de provar! 

  • Arroz do Mar Menor

    Arroz do Mar Menor

    O saboroso arroz caldoso desta região tem sua origem na comida que os pescadores preparavam a bordo do barco, com arroz, ñoras (espécie de pimenta) e os peixes das pedras e peixinhos capturados nesse dia.O costume é servir o arroz por um lado e o peixe pelo outro. Se você puser um pouco de molho alliloli, vai saboreá-lo ainda mais intensamente.

  • Arroz com costelinhas

    Arroz com costelinhas

    Seguindo o estilo da paella valenciana, esta receita é elaborada com arroz e verduras da estação. Por isso você sempre vai saborear este prato de uma forma diferente. E as costelinhas? É a parte do porco que se encontra entre o lombo e o filé mignon que, combinada com o arroz e as verduras, cria uma autêntica iguaria murciana. 

  • Assado da perna

    Assado da perna

    Ideal para provar especialmente se você visitar o interior da região. A matéria-prima é de máxima qualidade, já que tanto o cordeiro (segureño) como os outros ingredientes utilizados (batata, tomate e cebola) costumam ser da região murciana. Um prato que fica ainda mais gostoso quando é acompanhado de vinho tinto, pão e conservas da terra.

  • Paparajotes

    Paparajotes

    E não podia faltar a sobremesa. Trata-se de uma receita simples, saborosa e original em partes iguais. De origem árabe, era o que costumavam comer nas casas dos camponeses murcianos. Agora é um verdadeiro símbolo da confeitaria desta região. Um paparajote é uma folha de limoeiro coberta por uma massa de farinha e ovo, que depois de ser frita é polvilhada com uma fina camada de açúcar e canela. A única coisa que você deve saber é que a folha do limoeiro, ainda que dê muito sabor a esta sobremesa... Não é para comer!Saboreie cada mordida e cada receita da gastronomia murciana, porque você vai se apaixonar de verdade.

Find out more about...