Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Jovem turista passeando pelas ruas de Valldemossa, em Maiorca

Planos que você só pode fazer na Espanha

none

Se você está pensando em fazer uma viagem à Espanha, nós gostaríamos de contar algumas ideias curiosas ou interessantes sobre coisas que você só pode fazer aqui. Por exemplo, celebrar a original festa de Sant Jordi ou ver animais realmente especiais, como o lince ibérico. Este é nossa particular lista de planos. Você fez algum já deles?

  • Amigos comendo paella

    Degustar uma paella valenciana... em Valência

    É um dos pratos mais conhecidos da Espanha e em nenhum outro lugar tem um sabor tão bom quanto na própria Valência. Asseguramos que experimentá-la olhando para o mar Mediterrâneo é um dos melhores prazeres gastronômicos que você pode viver. No passeio Marítimo e no passeio Netuno da cidade abundam os restaurantes onde ter este prazer com o som das ondas de fundo.E se você quiser incluir um ponto original no plano, reserve alguma atividade. Por exemplo, combine uma degustação de paella com um passeio de barco pelo Parque Natural de la Albufera. Ou tente passar um dia na horta valenciana e participar na elaboração de uma paella.

  • Rosa e livro

    Ser presenteado com um livro e uma flor porque um cavaleiro matou um dragão

    Os livros e as flores são os grandes protagonistas da festa mais famosa da Catalunha, Sant Jordi, a cada 23 de abril, que é também o Dia do Livro. Diz a lenda que um dia um corajoso cavaleiro, Sant Jordi, salvou a uma princesa matando um dragão. Do seu sangue saiu uma roseira e o cavaleiro presenteou a princesa com a flor mais bela. Neste dia, comemora-se a morte do santo e padroeiro da Catalunha. Então, se um dia 23 de abril você estiver em Barcelona, verá a cidade transformada em uma enorme livraria e floricultura ao ar livre. Passeie por Las Ramblas, aproxime-se de algum autógrafo de livros ou de um show... É um dia muito especial!

  • Sidreria (casa de sidras)

    Experimentar a única sidra que se escanceia no mundo: a asturiana!

    A sidra nas Astúrias, na plena Espanha Verde, é muito mais do que uma bebida. É todo um símbolo. E saber escanceá-la é toda uma arte. E o que é escancear? É a maneira tradicional de servir a sidra, que consiste em elevar a garrafa com a mão direita e deixar cair o líquido do alto batendo a borda do copo que é segurado com a mão esquerda. Você tem coragem de experimentar? Além disso, na Comarca da Sidra são organizadas muitas atividades de “sidroturismo", como visitas a sidrerias ou chagares onde é elaborada. E uma curiosidade: você sabia que o Festival da Sidra Natural reúne em Gijón mais de 9.000 pessoas escanceando ao mesmo tempo na praia?

  • San Juan de Gaztelugatxe

    Afugentar os maus espíritos em Rocadragón, um dos cenários mais míticos da série “Jogo de Tronos”

    Em plena Costa do País Basco, San Juan de Gaztelugatxe é um dos cenários onde “passeiam” os dragões na famosa série televisiva. Tanto se você for ou não fã, este lugar é realmente espetacular. Para chegar a sua bonita ermida, é preciso atravessar uma ponte de pedra sobre o mar e subir 241 degraus. Uma vez ali, diz a tradição que é preciso tocar três vezes o sino da ermida para ter boa sorte e afugentar aos maus espíritos. E se você pode fazer isto com a luz do entardecer, é muito melhor.

  • El Capricho, em Comillas (Cantábria)

    Descobrir Gaudí através de sete de suas maravilhas

    Em Barcelona e suas proximidades, você encontrará as sete obras de Gaudí declaradas Patrimônio Mundial pela UNESCO, entenderá porque se diz que sua arquitetura faz lembrar as formas da natureza e é considerado um gênio. Em especial, falamos da Casa Milà, a Casa Batlló, a Basílica da Sagrada Família, a Casa Vicens, a cripta da Colònia Güell, o Palau Güell e o Park Güell. Fora da Catalunha, também são muito recomendáveis o Capricho (na Cantábria) ou a Casa Botines (em León).

  • Corral de Comedias de Almagro, em Ciudad Real (Castilla - La Mancha)

    Assistir a uma peça em um teatro do século XVII que continua representando os clássicos do Século de Ouro

    Fazemos referência ao Corral de Comedias de Almagro, o único teatro do século XVII que conserva sua estrutura original e que continua dando vida às grandes obras do Século de Ouro espanhol (uma época, entre os séculos XVI e XVII, em que a cultura espanhola adquiriu uma enorme força). Em julho é celebrado seu Festival Internacional de Teatro Clássico, mas também são organizadas visitas guiadas e teatralizadas muito recomendáveis. Outro segredo cultural? O Corral de Comedias de Alcalá de Henares é um dos teatros públicos mais antigos do mundo ocidental.

  • Plaza de España de Sevilha

    Acreditar que é R2-D2 passeando pela Plaza de España de Sevilha

    Criada para a Exposição Ibero-Americana de 1929, esta praça de 170 metros de diâmetro é um dos locais mais bonitos de toda Sevilha. Mesmo nunca tendo estado, pode resultar familiar para você... É porque nela aparecem passeando Padme, Anakin Skywalker e R2-D2 de “Star Wars: O ataque dos clones”. Por este motivo, Sevilha é destino obrigatório para os fãs de “Star Wars”. Mas também para todo o resto da galáxia.

  • Astroturismo no Parque Nacional do Teide

    Admirar outras galáxias em várias ilhas de origem vulcânica

    Você sabia que há várias áreas declaradas Reservas Starlight em nosso planeta porque seus céus são perfeitos para observar as estrelas? Na Espanha há mais de 10, entre elas, diversas nas Ilhas Canárias de origem vulcânica. Em especial, em La Palma, Fuerteventura e os cumes de Tenerife, poderá ver as estrelas como nunca antes. Pode visitar o Observatório de Roque de los Muchachos, hospedar-se em um estabelecimento Starlight, ir a mirantes astronômicos, fotografar a Via Láctea ou uma chuva de meteoritos, caminhar por um vulcão na hora do crepúsculo...

  • Lince ibérico

    Ver a águia-imperial ou o lince-ibérico

    O lince-ibérico é o felino mais ameaçado do planeta. No entanto, passou de estar prestes à extinção a alcançar mais de 500 exemplares distribuídos principalmente por Doñana e Sierra Morena, na Andaluzia. Se você reservar uma visita guiada por Doñana, por exemplo, e tiver sorte (não é tarefa fácil), poderá ver em ação este belíssimo animal. Uma coisa similar acontece com a águia-imperial-ibérica, uma de nossas aves mais emblemáticas e ameaçadas. Inscreva-se em alguma rota guiada pelo Parque Nacional de Guadarrama ou o de Monfragüe para tentar avistá-las.

  • Presunto ibérico (presunto cru) denominação de origem Dehesa de Extremadura

    Experimentar em primeira pessoa a elaboração do presunto ibérico (presunto cru)

    O presunto obtido do porco ibérico, também conhecido como “pata negra”, é todo uma iguaria. Além disso, segue um processo de elaboração tão cuidado que vale a pena conhecer. Existem várias rotas que permitem degustar este produto: Jabugo, Montánchez, Pedroches, Sierras de Badajoz... Nelas, você poderá aprender a cortá-lo corretamente, fazer uma maridagem com vinhos, visitar pastagens, comer em restaurantes especializados... Todo um mundo de sensações.