Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Vista da catedral de Santo Domingo de la Calzada, em La Rioja

Santo Domingo de la Calzada

La Rioja

Um dos lugares mais profundamente marcados pelo Caminho de Santiago em Rioja é Santo Domingo da Calzada. Seu traçado de estreitas ruas medievais, declarado Conjunto de Interesse Histórico Nacional, guarda um valioso patrimônio no qual se destacam as muralhas, a Catedral e o antigo Hospital de Peregrinos.

A culinária local, e especialmente os famosos vinhos de La Rioja, são alguns dos atrativos desta região, onde você também poderá conhecer o berço do idioma espanhol e os mosteiros de Suso e Yuso, em San Millán de la Cogolla.

Aos pés da Serra de La Demanda e do monte de Yuso, Santo Domingo fundou esta vila no ano 1044 para socorrer os peregrinos que viajavam até Santiago de Compostela na Baixa Idade Média.O Caminho de Santiago, declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, dinamizou a economia e a cultura das terras que atravessava e esteve muito ligado à transmissão de correntes artísticas e culturais. Os peregrinos que atravessavam terras riojanas costumavam descansar na beira do rio Oja, no bosque de La Hojuela. Foi lá que Santo Domingo construiu uma ponte, um albergue, um hospital e uma ermida, dando origem à vila e, posteriormente, cidade (título concedido por Alfonso XI em 1334). A Pedro I “O Cruel” se devem as muralhas que fortificam seu traçado medieval, declarado Conjunto de Interesse HistóricoNacional.A ermida primitiva passou a ser uma igreja sob a advocação do santo, para mais tarde ser consagrada como Catedral. Este templo, situado na Praça do Santo, no centro da cidade, foi iniciado em 1158 em estilo gótico, embora também possua elementos de origem românica, como seu portal e abside, e outros de estilo barroco e renascentista, como a esbelta Torre Exenta.No interior da catedral se destaca um bonito retábulo principal de estilo plateresco, assim como o sepulcro com a escultura românica do Santo.Além das capelas, do coro e do claustro, chama a atenção entre suas dependências um galinheiro, que lembra um fato milagroso ocorrido nestas terras. O ditado “Santo Domingo de la Calzada, cantou a galinha depois de assada” faz referência ao milagre pelo qual foram ressuscitados um galo e uma galinha para provar a inocência de um jovem enforcado injustamente, que sobreviveu a sua condenação.Em frente à Catedral fica o antigo Hospital de Peregrinos, hoje um Parador de Turismo. Sua estrutura original, do século XII, foi erigida por Santo Domingo para acolher os peregrinos que se dirigiam à capital compostelana.Em torno da Praça do Santo estende-se um conjunto harmonioso de elementos românicos, góticos, renascentistas e barrocos. As casas brasonadas da Calle Mayor, a Prefeitura e o convento de San Francisco são os lugares de máximo interesse. Também merece uma visita a casa do Santo, onde funciona um Escritório de Informação do Caminho de Santiago. Em suas instalações são oferecidos todos os tipos de informação para continuar o caminho compostelano, ou para retornar para Logroño e Navarra.Culinária e arredoresA ribeira do rio Ebro proporciona à mesa riojana uma grande variedade de frutas e verduras. Aspargos, pimentões, alcachofras e outras verduras são a base de pratos como as batatas à moda riojana ou a minestra de verduras. São célebres também as chuletillas de cordero lechal al sarmiento (chuletas de cordeiro mamão assadas sobre um maço de sarmentos). Entre os doces, o destaque é para os fardelejos (com amêndoa, ovos e açúcar), os mazapanes (marzipãs de amêndoa e açúcar assados) e as peras ao vinho. Estas terras repletas de videiras criam um dos vinhos mais apreciados da Espanha: o Rioja, com Denominação de Origem. Brancos, rosados e especialmente tintos acompanham e fazem parte desta suculenta culinária.De Santo Domingo de la Calzada você pode fazer excursões para conhecer lugares importantes da província. Assentada nas margens do rio Ebro, Haro é a “capital” do vinho. Uma vila cheia de videiras onde é realizada todos os anos no dia 29 de junho a Batalha do Vinho. Algumas de suas numerosas vinícolas oferecem degustações nestas datas. Em San Millán de la Cogolla estão situados os mosteiros de Suso e Yuso, ambos declarados Patrimônio da Humanidade. Aqui começa a Rota da Língua Castelhana, já que nestes mosteiros apareceram os primeiros testemunhos escritos do idioma espanhol. Esta rota continuaria no Mosteiro de Santo Domingo de Silos (Burgos) e em cidades como Valladolid, Salamanca, Ávila e Alcalá de Henares. Perto de San Millán está situado Berceo, cidade natal de Gonzalo de Berceo, o primeiro autor da língua espanhola.No pé da Serra de La Demanda estão situados o pico de San Lorenzo (2.262 m), o Coto Nacional de Caza de Ezcaray e a estação de esqui de Valdezcaray. As ofertas de lazer também incluem roteiros de caminhada ou a cavalo por esta região, ou uma visita à cidade de Nájera. No século XI foi corte de Navarra, e o rei Sancho III modificou o percurso do Caminho de Santiago para que passasse por ela. O mosteiro de Santa María la Real é seu monumento principal, com elementos góticos e platerescos. Seu panteão real possui mais de 30 sepulcros de monarcas.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

Agenda

Exposições, festivais, esportes...


Consulta alguns dos eventos mais relevantes que você poderá aproveitar no destino.