Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Serra dos Ancares Leoneses

Reserva da Biosfera dos Ancares Leoneses

León

Está localizada no extremo ocidental da Cordilheira Cantábrica, ao noroeste da província de León e possui vales profundos que chegam a 800 metros de profundidade. Foi declarada Reserva da Biosfera pela UNESCO em 2006.

Possui numerosas espécies vegetais e quase 50 endemismos ibéricos. Quanto à fauna, podem ser encontradas mais de 200 espécies vertebradas com uma relevante representação de aves de rapina e espécies em vias de extinção como o tetraz-grande e o urso pardo. As principais atividades da região são a pecuária baseada no aproveitamento dos pastos de alta montanha, a agricultura e o aproveitamento cinegético. No terreno turístico, destaca por ser parada no Caminho de Santiago, por oferecer uma saborosa gastronomia (com produtos de qualidade reconhecida como a maçã reineta, o botillo, a cecina e a pera) e por desenvolver cada vez mais as possibilidades de turismo rural.  

Reserva da Biosfera dos Ancares Leoneses


Leão  (Castela e Leão)

Espécie de área:Reserva da Biosfera Superfície:56,79 hectares E-mail:info@ancaresleoneses.es Tel.:+34 987564907 Web:Reserva da Biosfera dos Ancares Leoneses

Leão (Castela e Leão):

Vega de Espinareda. Villafranca del Bierzo. Candín. Peranzanes.

Informações importantes

O que é preciso saber


  • Informações culturais

    O Patrimônio herdado da Reserva data do Neolítico, com machados, pontas de lança e algum suposto ídolo da Idade de Bronze. Existem amostras de cultura popular de grande valor etnográfico entre as que destacam a tradicional palhoça. Este território alcançou seu maior esplendor na Idade Média, já que ao constituir-se como uma parada para os peregrinos do Caminho de Santiago, se realizaram mosteiros, igrejas, hospitais e albergues, sobressaindo a Colegiada de Santa María, em Villafranca del Bierzo.  

  • Informações meio ambientais

    Nesta região podem ser encontrados carvalhais, faiais e pinhais, áreas cobertas de matagais e cultivos, pequenas hortas, prados de ceifa e pastagens. A Reserva também é um Lugar de Importância Comunitária (LIC), uma Zona de Especial Proteção para as Aves (ZEPA) e Reserva Nacional de Caça.  

  • Informações visitas

    O visitante pode realizar o percurso de trilha denominado “O Olhar Circular” ou matricular-se para determinados cursos relacionados com a conservação da região. Também pode conhecer a Área temática do castro de Chano, que recebe o nome da Jazida arqueológica situada junto à mesma. Nesta região há um escritório de turismo e a Palloza-museu-bar, onde obter informação.