Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Monumento

Povoado Ibérico do Castellet de Banyoles

Tivissa

Tarragona

Deste assentamento de origem ibera, um dos mais importantes da fachada mediterrânea da Catalunha, procede uma coleção de moedas, ourivesaria e cerâmica conhecida como Tesouro de Tivissa.

Descoberto em 1912, trata-se de um povoado fortificado com cerca de 4.400 hectares de superfície, que foi habitado entre os séculos V e II a.C. Mais concretamente, parece corresponder à primeira época ibérica; aparentemente ficou destruído como resultado do confronto bélico entre romanos e cartagineses devido à II Guerra Púnica. Foram escavados os muros de suas moradias e duas torres excêntricas defensivas que pertenciam a suas muralhas. Dele procede o chamado Tesouro de Tivissa, diversas coleções de ourivesaria religiosa em prata —destaque para uma pátera com gravuras pertencentes a um possível templo ibérico—, de cerâmicas iberas e gregas, assim como moedas ibero-romanas indígenas com a inscrição “Tibisi” e outras cunhadas em “Emporion” (Ampurias, Girona) e “Ilerda” (Lleida).

Povoado Ibérico do Castellet de Banyoles


Carretera C-44 de Tivissa a Móra la Nova, km 23

43746  Tivissa, Tarragona  (Catalunha)