Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança
Catedral de Ciudad Rodrigo. Salamanca

Ciudad-Rodrigo

Salamanca

Ciudad Rodrigo, declarada Conjunto Histórico-Artístico, é uma insigne vila fortificada situada no oeste da província de Salamanca.

Seus muros encerram um rico patrimônio de edifícios civis e religiosos, com destaque para a Catedral e o Castelo.

A atual instalação de Ciudad Rodrigo, um morro rochoso às margens do rio Águeda, esteve povoada desde o período Neolítico. No século VI a. C., os vetões, uma tribo de origem celta, fundaram a cidade de Miróbriga e se estabeleceram neste local. Quatro séculos depois, os romanos conquistariam a cidade, que passou a se chamar Augustóbriga, em homenagem ao imperador Otávio César Augusto. Testemunhas daquela época são as Três Colunas, um enigmático monumento que continua em pé na entrada da cidade.Após ser objeto de disputas entre árabes e cristãos durante séculos, esta fortaleza foi repovoada no ano 1100 pelo conde Rodrigo González Girón, que lhe deu seu nome definitivo. Fernando II, rei de León, terminou o repovoamento da área e empreendeu ambiciosos projetos, entre eles a fortificação da cidade e a restauração da antiga ponte romana. Ao mesmo tempo, em seu reinado a cidade voltou a ser sede episcopal e começaram as obras da Catedral.As principais edificações do seu centro histórico, declarado Conjunto Histórico-Artístico, datam dos séculos XV ao XVI, época em que a cidade viveu um grande período de esplendor.

A cidade amuralhada

A fisionomia da cidade é definitivamente marcada pela imponente muralha medieval que a rodeia. Foi erigida no século XII durante o reinado de Fernando II, embora tenha sofrido posteriores remodelações no século XVIII. O recinto amuralhado tem mais de dois quilômetros de perímetro e conta com sete portas, sendo as mais antigas a do Sol e a de Santiago.A Puerta de La Colada dá acesso ao promontório sobre o qual se ergue o Castelo de Enrique II, construído por ordem do monarca em 1372. A fortaleza é dominada pela torre da homenagem, de planta quadrada. Na atualidade, é onde funciona o Parador de Turismo da localidade.Na Plaza Mayor ficam alguns edifícios senhoriais, como a Casa do Primeiro Marquês de Cerralbo, ou Casa de los Cueto (séc. XVI), e o Ayuntamiento (prefeitura). Este foi construído em meados do século XVI em estilo renascentista, e possui partes que foram acrescentadas no início do século XX. Sua fachada principal conta com duas torretas brasonadas e uma galeria com colunas de capitel plateresco.O auge experimentado pela cidade durante o Renascimento faz com que surjam a cada passo uma infinidade de palacetes e casas da nobreza. Um dos mais destacados é o Palácio dos Castro, com um bonito pórtico plateresco entre colunas salomônicas coroadas por figuras de leões. Merece especial atenção o Palácio dos Águila (séc. XVI-XVII), uma sóbria mansão que exibe os escudos de armas de seus antigos proprietários. O passeio pode continuar visitando, entre outros, o Palácio da Marquesa de Cartago, em estilo neogótico dos séculos XIX-XX, o de Moctezuma, atual Casa da Cultura, a Casa dos Vázquez, onde se situa a sede do Correio, e o Palácio do Conde de Alba de Yeltes.

Arquitetura religiosa

A Catedral é o edifício religioso mais importante de Ciudad Rodrigo. Sua construção começou no ano 1165 e não foi finalizada até 1550, o que evidencia uma mistura de estilos artísticos. Em sua fachada, destaca-se a porta de Las Cadenas, com um friso em que aparecem várias esculturas em relevo. O interior do templo divide-se em três naves cobertas com abóbadas em cruzaria. A Capilla Mayor, na abside da nave central, aparece coberta por uma abóbada estrelada, obra de Rodrigo Gil de Hontañón. Outro elemento que chama a atenção é o cadeiral do coro, onde aparecem algumas cenas profanas talhadas por Rodrigo Alemán em 1498. Por sua vez, o Museu Diocesano exibe uma coleção de arte sacra.Perto da Catedral fica a Capela do Marquês de Cerralbo, soberbo templo de estilo herreriano e arrematado por uma grande cúpula com zimbório. A igreja conserva em seu interior belíssimos retábulos feitos com madeira de nogal. Dentro da zona urbana aparecem outras bonitas igrejas, como as de San Agustín (séc. XVI), San Pedro (séc. XII) ou a Capela das Franciscanas Descalças (séc. XVII). Nos arredores da cidade, saindo em direção à represa do Águeda, localiza-se o Mosteiro da Caridade, do século XVI.

Arredores, festas e culinária

Ciudad Rodrigo se encontra numa região repleta de atrações turísticas. A cidade fica no pé da Serra de Gata, à qual se acessa seguindo o leito do rio Águeda até chegar a vilarejos como El Bodón, El Payo ou Fuenteguinaldo. Nestes arredores você pode visitar os povoados pré-romanos de Irueña e Lerilla, ambos declarados Monumento Histórico-Artístico.No sudeste da província, na região da Sierra de Francia, ficam outras visitas imprescindíveis, como La Alberca, povoado declarado Monumento Histórico Nacional, e Miranda del Castañar, Conjunto Histórico-Artístico; e entre as paisagens naturais, a Peña de Francia e o Vale das Batuecas.O farinato (embutido elaborado com miolo de pão, gordura de porco, páprica e especiarias) é a especialidade mais típica da culinária local, e é recomendável acompanhado de ovos fritos. Outros pratos dignos de menção na região são a chanfaina (à base de arroz e porco), o hornazo (um tipo de empada) e as carnes assadas, especialmente a de leitão. Quanto aos doces, é preciso provar o bollo maimón (bolo com açúcar, ovos e fermento) e o repelao (doce de sabor semelhante ao marzipã, que é elaborado em toda a região).No que diz respeito às festas, uma das mais esperadas do ano pelos habitantes de Ciudad Rodrigo é o Carnaval del Toro. Conforme seu próprio nome indica, esta celebração tem um forte caráter taurino. Durante alguns dias, a Plaza Mayor se transforma em cenário de capeias, novilhadas e outros festejos.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

Agenda

Exposições, festivais, esportes...


Consulta alguns dos eventos mais relevantes que você poderá aproveitar no destino.