Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Paisagem em Ponga, Astúrias

Reserva da Biosfera de Ponga

Asturias

Na região de Astúrias, em plena cordilheira Cantábrica e junto ao Parque Nacional dos Picos da Europa, situa-se o Parque Natural de Ponga, onde os imponentes bosques ocupam quase 40% de sua superfície.Seu principal atrativo - além das incríveis paisagens de faiais - é ver como seus habitantes mantiveram ao longo do tempo as típicas construções locais de pedra, madeira e telha e uma gastronomia, artesanato e folclore que transmitiram de geração a geração. Foi declarado Reserva da Biosfera em 2018.

Nesta reserva encontra-se o bosque de Peloño, um dos mais emblemáticos de toda a Astúrias e com um extraordinário estado de conservação. Além disso, nele pode-se desfrutar de outros atrativos naturais: abruptos desfiladeiros como o de Los Beyos ou espetaculares montanhas como o pico Tiatordos ou peña Ten.Além de contemplar as casas tradicionais dos arredores, vale a pena parar nas belas aldeias para admirar os espigueiros beyuscos (pensados para guardar principalmente o grão), muito representativos de seu patrimônio cultural.E certamente, você pode aproveitar a visita para fazer atividades ao ar livre como caminhada ou para provar produtos locais como o famoso queijo dos Beyos elaborados pelos pastores das imediações do desfiladeiro.

Reserva da Biosfera de Ponga


Ponga, Astúrias  (Principado das Astúrias)

Espécie de área:Reserva da Biosfera Superfície:20,51 hectares Web:Natureza de Astúrias
Informações importantes

O que é preciso saber


  • Informações culturais

    As aldeias de Ponga preservam exemplos extraordinários de casas tradicionais nas quais a cozinha ocupava todo o térreo e o fogo era aceso sem nenhuma chaminé. Também podem ser encontradas outras construções históricas de interesse. Por exemplo, destaca a Torre de Cazo (século XII), um dos edifícios medievais mais antigos de Astúrias. Da arquitetura religiosa destacam as igrejas paroquiais e capelas de montanha como as de Ventaniella e Arcenorio. E da época contemporânea, há interessantes exemplos de arquitetura indiana.Quanto a seu folclore, pode-se desfrutar da singular festa dos aguinalderos, que é realizada entre a Véspera do Ano Novo e Reis e tem como protagonista um personagem chamado Guirria, que se move entre as casas.Outro encontro a ser levado em conta: o mercado antigo de “El Trasiegu”, que é realizado a cada Semana Santa em Sobrefoz.

  • Informações meio ambientais

    Os bosques mais importantes da região são faiais, embora também existem carvalhais brancos, carvalhais negros, bosques mistos e castanheiros. Por sua vez, pode-se encontrar o narciso asturiano e a genciana, muito típicos desta região.No que se refere à fauna, em Ponga habitam 12 espécies protegidas e trata-se de uma área de grande interesse pela presença do urso pardo, o tetraz-grande, o lobo, a lontra, a toupeira-da-água e a lebre-cantábrica e de aves de rapina como a águia-real, o falcão peregrino ou o abutre-do-Egito.

  • Informações visitas

    O parque natural possui um centro de interpretação (San Juan de Beleño s/n). Oferece uma exposição permanente e é perfeito para informar-se sobre os valores e recursos da reserva.O visitante também pode escolher entre sete trilhas de pequeno percurso homologadas para chegar a alguns dos mirantes mais bonitos da região. Além disso, possui duas áreas recreativas equipadas (uma em Sellaño e outra em Las Mestas), diferentes alojamentos (como o balneário de Mestas, fundado no século XVIII e hoje reabilitado como hotel e casa de banhos) e uma ampla oferta de restaurantes.Embora seja recomendável a visita em qualquer época do ano, durante o outono o espetáculo de cores dos faiais é incomparável.