Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Penha Oroel em Huesca

Paisagem Protegida de San Juan de la Peña e Monte Oroel

Huesca

Esta Paisagem Protegida, na zona de Huesca, destaca-se por uma combinação entre natureza e cultura, pois une a paisagem tradicional da meia montanha pirenaica com a existência de um dos mosteiros mais importantes da Alta Idade Média e primeiro panteão real do Aragão, o Mosteiro de San Juan de la Peña.

A diversidade de ambientes faz deste espaço um lugar estratégico para a fauna. Uma de suas paisagens mais características são as paredes rochosas avermelhadas rodeadas de frondosos bosques. Na primavera, quando floresce o erizón, a paisagem da serra se tinge de uma chocante cor amarela, que contrasta com o verde primaveril da floresta. Rodeado pelo extenso bosque encontra-se, encostado na parede do monte Pano de San Juan de la Peña, o Mosteiro Velho de San Juan de la Peña.

Paisagem Protegida de San Juan de la Peña e Monte Oroel


Ctra. N-240 Jaca/Pamplona, desvío a Santa Cruz de la Serós, a 7 km. por carretera de montaña hasta el Monasterio Viejo y 1,5 km más hasta el Monasterio Nuevo y los Centros de Interpretación.

San Juan de la Peña, Jaca, Huesca  (Aragão)

Superfície:9,51 hectares E-mail:turismodearagon@aragon.es E-mail:espaciosnaturalesh@aragon.es Tel.:+34 976 070 000 Tel.:+34 974 361 476 Web:Paisagem Protegida de San Juan de la Peña e Monte Oroel Tel. de reservas:+34 976405041
Informações importantes

O que é preciso saber


  • Informações culturais

    Estas serras dos Pré-Pirineus de Huesca presenciaram contínuos assentamentos humanos desde o neolítico. O ambiente se destaca por sua importância histórica, cultural e religiosa. Daí deriva a declaração do Parque Cultural de San Juan de la Peña.

  • Informações meio ambientais

    Boa parte da Paisagem Protegida está coberta por pinhais de pinho silvestre e, em muitas ocasiões, os bosques são mistos, com a mistura de pinheiros com carvalhos ou álamos tremulantes. Quanto à fauna, abundam espécies como o corço, o javali ou o morcego cavernícola. Também habitam aves como o brita-ossos, o abutre-do-egito, a águia-real, o abutre leonado ou o falcão-peregrino.

  • Informações visitas

    No Centro de Interpretação de San Juan de la Peña (ao lado do Mosteiro Novo de San Juan de la Peña, a 8 quilômetros de Santa Cruz de la Serós) os visitantes poderão obter todas as informações sobre o espaço.