Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Salobreña, em Granada (Andaluzia)

Salobreña

Granada

A pequena cidade granadina de Salobreña se estende aos pés de um castelo hispano muçulmano na conhecida como Costa Tropical, na beira do mar Mediterrâneo.

Suas longas praias e agradáveis temperaturas fazem dela um destino ideal durante todo o ano. A cana-de-açúcar e as frutas tropicais que crescem na região se entremesclam com peixes e frutos do mar, criando apetitosas receitas. Aqui o viajante pode se divertir em diversos núcleos costeiros, aptos para a prática de esportes náuticos e atividades ao ar livre.

A privilegiada localização costeira de Salobreña dotou a cidade de excelentes praias onde ficam diversos complexos turísticos. Sua ampla oferta de acomodações e de lazer é complementada com um interessante centro histórico com casas de fachadas caiadas que estão dispostas em volta do seu castelo árabe. Isso é porque as origens de Salobreña são da época fenícia. Fundada como colônia comercial, também foi povoada por romanos e árabes até ser finalmente reconquistada pelos Reis Católicos. Os ataques de piratas fizeram com que a cidade fosse amuralhada e seus habitantes escolhessem lugares mais seguros nas montanhas. Atualmente, seu excelente clima tropical, com temperaturas entre 15 e 32 graus, atrai visitantes durante o ano inteiro.Centro históricoA parte superior da sua zona urbana é dominada por um castelo situado em cima de um rochedo. Muralhas de alvenaria e tijolo, torreões e a Torre da Homenagem fazem parte da silhueta que domina todo o conjunto urbano de Salobreña. Erigida pelos romanos, foram os árabes que ampliaram esta construção defensiva. Aos pés do grande rochedo sobre o qual foi construído ficam as ruas com fachadas caiadas, tão típicas da tradição muçulmana. Outro interessante prédio é a igreja paroquial de Nuestra Señora del Rosario, construída sobre uma antiga mesquita no século XVI.Os diferentes bairros da cidade granadina como La Loma, La Fuente, El Brocal e Albaycín contam com lugares medievais onde se abrem portões, abóbadas e janelas. Um passeio por esta zona dará ao viajante uma ideia de como era a vila em tempos remotos. O Paseo Marítimo, entre a várzea onde crescem diversas árvores frutíferas e o perfil costeiro, é outra boa opção para se aproximar um pouco mais da cultura granadina. Por sua vez, nas praias de Salobreña o viajante poderá praticar os mais variados esportes náuticos e atividades ao ar livre.CulináriaOs peixes e frutos do mar abastecem a mesa desta cidade, e são complementados com produtos da várzea e da horta. Batatas com cação, sopas de frutos do mar, miolos de pão... servem de entrada para escabeches de peixes azuis, polvo seco e espetos de sardinhas. Entre as sobremesas, se destacam os bolos de tradição árabe e as frutas exóticas como mamão, abacate, goiaba, manga e fruta-do-conde.Os arredores de Salobreña oferecem interessantes cidades de veraneio como Nerja (com um Parador de Turismo), Motril (com excelentes praias e campos de golfe) e Adra, cujo passado também tem origem fenícia. Nas Alpujarras granadinas, o Balneário de Lanjarón oferece suas águas medicinais aos que queiram descansar alguns dias. Muito perto ficam os cumes com mais de 3.000 metros de altitude de Sierra Nevada e seu Parque Nacional. Diversos roteiros percorrem este espaço protegido, enquanto seu parque natural conta com uma estação invernal aberta durante toda a temporada de neve. Outro destaque é Granada, a capital da província. Seu sabor árabe deixa-se notar nos palácios e construções da Alhambra, do Generalife e do bairro do Albaicín, todos eles declarados Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.