Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Pátio dos Leões, na Alhambra de Granada

A Alhambra, um dos 10 monumentos da Andaluzia declarados Patrimônio Mundial

none

É verdade que a Andaluzia possui muitos Patrimônios da Humanidade; mas o mais espetacular e visitado, sem dúvida é a Alhambra, um conjunto histórico monumental. É possível entender o seu sucesso se você a contemplar do mirante de San Nicolás, do outro lado do rio Darro. É melhor fazer isso no pôr do sol, acompanhados pelos violões e ao canto de artistas que fazem espetáculos de rua. Para o ex-presidente Bill Clinton, bastaram poucas horas ali para declarar que era “o entardecer mais bonito do mundo”.

Vista panorâmica da Alhambra de Granada à noite

Se você estiver se perguntando qual é a origem do monumento que quase três milhões de pessoas visitam todos os anos, precisa saber que o seu nome vem do árabe: al-Hambra (‘a vermelha’). Foi concebida entre os séculos IX-XII como uma zona militar (Qal'at al-hamra, ‘Fortaleza Vermelha’), mas não apenas para isso: a Alhambra foi um forte, um palácio nasrida e uma medina (pequena cidade), tudo ao mesmo tempo. Até 1492, quando foi transformada em uma corte cristã após a reconquista de Granada pelos Reis Católicos.Como a área monumental é enorme e está cheia de detalhes, a visita à Alhambra nunca é curta. Alguns levam apenas uma ou duas horas, mas os amantes da história podem ficar lá mais de cinco. Desde a Alcazaba até os Palácios Reais, o encantador Quarto Dourado, a majestosa Sala de Comares, o palácio renascentista de Carlos V (hoje, Museu de Belas Artes) ou o célebre Pátio dos Leões… Por onde começar?

É aconselhável começar o percurso pelos maravilhosos jardins do Generalife, a residência de veraneio dos sultões. Depois, passa-se pelos majestosos palácios mouriscos até chegar ao fotogênico Pátio dos Leões e sua sonora fonte, uma das mais famosas do mundo. E se você quiser ampliar o passeio, vá até a Alcazaba, a parte mais antiga do conjunto.Considerando que é o monumento que ninguém quer perder numa visita a Granada, o melhor será reservar a entrada (com antecedência máxima de 3 meses e até 2 horas antes da visita) no site oficial.

Jardins do Generalife, na Alhambra de Granada