Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Estella (Navarra)

Estella

Navarra

Ao passar por terras navarras, o Caminho de Santiago, Patrimônio da Humanidade, conduz até Estella.

Esta vila, atravessada pelo rio Ega, conta com um centro histórico medieval onde as construções românicas e góticas demonstram seu esplendor histórico.

A capital da comarca de Tierra Estella tem suas origens em povoações romanas e bascas, mas foi o rei navarro Sancho Ramírez que fundou a cidade atual para atender os numerosos peregrinos compostelanos. Sua localização no Caminho de Santiago e o fato de ter sido convertida em corte régia contribuíram para sua prosperidade econômica durante todo o período medieval.

Arte românica

Ruas tipicamente medievais conduzem a joias da arquitetura românica. No alto de uma grande escadaria fica a igreja cisterciense de San Pedro de la Rúa. Os elementos românicos de sua estrutura e decoração deixam-se ver em seu portal e seu claustro. Arcos de meio ponto, decoração vegetal e figurativa conduzem aos capitéis historiados de seu claustro, um belo lugar para passear e observar seu excelente acervo de cenas bíblicas. Em geral, o bairro onde está situada, em volta das ruas San Nicolás e Curtidores, é o mais bonito e monumental da cidadeVale a pena visitar o Palácio dos Reis de Navarra, também chamado dos Duques de Granada de Ega. Trata-se de uma bonita amostra de arquitetura civil românica, singular por sua escassa presença. Além de seus dois andares de altura, destaca-se o capitel historiado que representa um episódio da Lenda de Roldán, um tema pouco habitual na arte românica. Seus outros capitéis contam com uma decoração vegetal tipicamente cisterciense. Atualmente é a sede do Museu Gustavo de Maeztu.Um dos representativos portais românicos se encontra na igreja de San Miguel. A figura do Pantocrator (representação de Jesus Cristo como majestade) dentro da mandorla e os tetramorfos (figuras dos quatro evangelistas) são seus elementos mais representativos, característicos do estilo românico tardio. Uma escultura gótica flamenga de San Miguel e um retábulo do século XVIII são os destaques do seu interior.Dentro da arquitetura gótica de Estella são importantes a igreja do Santo Sepulcro e o Convento de Santo Domingo. No portal do Santo Sepulcro pode ser apreciada a evolução entre o românico tardio e o gótico primário. Doze arquivoltas ladeadas por duas fileiras de apóstolos e um tímpano com esculturas da vida e morte de Cristo constituem o mais chamativo do seu portal. Por sua vez, o convento mostra uma única nave de forma alongada.O centro histórico, nos dois lados do rio Ega, que pode ser cruzado pela Puente de La Cárcel, conta também com palácios renascentistas,como o de San Cristóbal (hoje Casa da Cultura Frei Diego de Estella), e barrocos, como o Palácio de Justiça.A Plaza de los Fueros é o centro da cidade, lugar onde é comemorado o tradicional mercado e onde se destaca a fachada neoclássica da igreja de San Juan. A praça e as ruas limítrofes são o cenário do mercado medieval, quando todos os vendedores se vestem com trajes antigos e oferecem suas mercadorias como antigamente. O convento de Recoletas, as ruínas de San Pedro de Lizarra e a Basílica de Nuestra Señora del Puy são as seguinte paradas. Trata-se de um templo construído nos anos 50 do século XX, de traços modernos e inspiração gótica, onde fica uma escultura gótica da padroeira da cidade folheada a prata. O Paseo de los Llanos, paralelo ao rio, conduz ao convento de Santa Clara e, já a caminho de La Rioja, à igreja de Nuestra Señora de Rocamador.

Não deixe escapar

O que visitar


Selecione na lista ou navegue pelo mapa para descobrir os pontos de interesse.

O que fazer

Planos para inspirar-se


Agenda

Exposições, festivais, esportes...


Consulta alguns dos eventos mais relevantes que você poderá aproveitar no destino.