Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança Últimas notícias
Artesão trabalhando uma espada em um ateliê de Toledo

Uma viagem à tradição: redescobrir os ofícios de artesanato em Castilla-La Mancha

Castela-La Mancha

Você gostaria de conhecer a arte daqueles que trabalham com suas próprias mãos de forma tradicional? Esta é uma viagem para um patrimônio diferente e herdado durante muitos anos da cultura da Espanha, uma proposta para conhecer os trabalhos de artesãos em Castilla – La Mancha. Viaje para Albacete, Ciudad Real, Cuenca, Guadalajara e Toledo para se apaixonar pelo artesanato manchego.

Albacete, terra de facas e navalhas

Existem muitos motivos para visitar Albacete; um deles é conhecer sua famosa elaboração de facas e navalhas artesanais, que são uma referência a nível nacional. Esta tradição vem da época dos muçulmanos, com grande influência nos designs atuais, embora a indústria como tal funcione desde o século XV. Para conhecer toda a história da “Cuchillería de Albacete”, visite o Museu da Cuchillería. Além disso, os melhores fabricantes de facas se congregam cada ano na Ibercut, a feira internacional de facas de Albacete. Esta província manchega também é famosa por seus jarros, uma arte medieval originária dos séculos XVI e XVII que você também pode conhecer visitando o Museu de Albacete. A indústria de jarros é especialmente famosa em Villarrobledo, que chegou a ter no passado 72 fornos para cozinhar jarros. 

Vista de uma sala do Museu de facas de Albacete © Museo de la Cuchillería de Albacete

Ciudad Real, famosa pela renda de bilros

A renda de bilros é uma arte de costura tradicional à mão e é um dos ofícios artesanais mais importantes de Ciudad Real. Durante centenas de anos, esta província foi um lugar de referência deste artesanato; uma prova disso é o Museu Municipal del Encaje y Blonda, que oferece um passeio histórico pelas diferentes técnicas e um mostruário muito amplo de mantilhas, lenços, véus e leques. Em Ciudad Real há muitos artesãos que continuam hoje com seu ateliê de olaria, sendo outro dos ofícios tradicionais mais importantes da província; em parte graças ao Formma ou Museu da Olaria de La Mancha. Apesar de ter se modernizado com novas técnicas e materiais, como o barro manganês, na província não foi perdido nem um ápice da essência mais pura da olaria. 

Acima: Sala do museu © Formma / Abaixo: Peças expostas no Formma, Museu da Olaria de La Mancha, em Ciudad Real © Formma

Cuenca, o berço do ofício artesanal em La Mancha

O tempo passa, mas o que não passa é a tradição dos ofícios de artesanato de Cuenca, que ainda hoje continuam muito presentes, proporcionando sua riqueza cultural à província com produtos de altíssimo nível. Há muitos séculos esta cidade se destaca pela fabricação de olaria com técnicas que têm sua origem na arte muçulmana, embora também existam importantes mestres em cestaria e manipulação de metais.Para apreciar os belíssimos trabalhos realizados pelos artesãos de Cuenca, basta passear pelo centro histórico da capital e contemplar seus ateliês. Você poderá comprar suvenires como vasos, cântaros, chaleiras, pratos para pendurar na parede, etc. Qualquer coisa que você gostar!

Acima: Peça de olaria de Cuenca © Cerámica Luis del Castillo / Abaixo: Ateliê de olaria em Cuenca © Cerámica Luis del Castillo

Guadalajara, artesanato de fibras, couro e pele

O artesanato continua tendo um peso importante em Guadalajara. A paixão por estes ofícios com tanta história pode ser apreciada em suas ruas, especialmente quando são realizados os populares mercados medievais ou a tradicional Feira de Artesanato de primavera de Guadalajara, que conta com a presença de profissionais de toda a Espanha.Entre os diferentes ofícios de artesanato que ainda hoje seguem em ativo são muito importantes os relacionados com a confecção de pele e couro. Trata-se de produtos únicos que dificilmente você poderá achar em outro lugar; realizados com uma grande riqueza de detalhes e com acabamentos incríveis, seguindo as técnicas tradicionais.

Recriação de peça histórica de couro realizada por artesã de Guadalajara

Toledo, cidade artesã

O artesanato pode ser respirado em qualquer lugar de Toledo, uma província reconhecida pelos fantásticos trabalhos elaborados à mão por seus profissionais do artesanato. Esta Cidade Patrimônio da Humanidade tem um importante legado histórico e cultural, e sem dúvida o artesanato tem muito a ver com isso. A arte tradicional de Toledo por excelência é o damasquinado, uma ornamentação que pode ser usada para decorar qualquer tipo de objeto. Visite Toledo para ficar fascinado com peças de ourivesaria, joias, espadas e móveis decorados com o reconhecido “Ouro de Toledo”. Nas ruas do centro histórico, visite algum dos ateliês para conhecer em primeira pessoa os segredos desta técnica ancestral. Na província também se destacam as espadas e os produtos artesanais elaborados com madeira, cerâmica e ferro forjado.

Acima: Ateliê de damasquinado em Toledo © Patronato Municipal de Turismo da Prefeitura de Toledo / Abaixo: Exemplo de Damasquinado © Patronato Municipal de Turismo da Prefeitura de Toledo
Descubra mais sobre...