Travel Safe

Conselhos para viajar com segurança
Jardins do Mosteiro de Yuste

Jardins do Mosteiro de Yuste

Cáceres

O Imperador Carlos era um amante dos jardins e da natureza, um amor que sua retirada a Yuste em 1554 deixa evidente. De Bruxelas recebeu notícias do lugar em que se situa o mosteiro, "... em um lugar despovoado, fresco e com muitas águas de fontes, com uma infinidade de frutas de todos os tipos, de inverno e de verão... é a terra mais plácida e de maior temperança e recreio que existe na Espanha" e decide criar lá "uma casa suficiente para poder viver com os serventes e os criados mais indispensáveis, a título de pessoa particular.” Lá o Imperador se propõe uma aproximação com a natureza que favoreça a meditação e a oração, "tomando passatempo em fazer um jardim no alto, que é onde fica um terraço, o qual quer cobrir e fazer uma fonte no meio, e ao redor, pelos lados, fazer um jardim com muitas laranjeiras e flores, e quer fazer o mesmo na parte baixa", onde criará um tanque com azulejos que, junto ao que existe no terraço inferior, deu ao palácio o aspecto de sua casa natal de Gante.

Jardins do Mosteiro de Yuste


Monasterio de San Jerónimo de Yuste. s/n

10430  Cuacos de Yuste, Cáceres  (Extremadura)

O que fazer

Visitas próximas